Herói alternativo da DC supera bilheteria pífia no cinema e faz sucesso na Prime Video

Adão Negro foi uma das maiores promessas do DCEU, não apenas pelos fãs realizarem o sonho de ver Dwayne Johnson no papel do famoso anti-herói, como também pela promessa do próprio ator sobre grande retorno do Superman franquia.

No entanto, em meio a várias mudanças na Warner Bros., o encerramento do DCEU e a notícia de que Henry Cavill seria apenas uma participação especial no filme sem futuras aparições, Adão Negro amargou como um dos vários fracassos da DC nos cinemas.

adao-negro-porque-o-filme-deu-ruim-mesmo-elogiado-por-fas-da-dc

Outro fator para o fracasso foi que o filme estreou próximo do lançamento de Pantera Negra: Wakanda Para Sempre, e isso foi uma competição à altura, mas o filme da Marvel levou a melhor.

Adão Negro arrecadou apenas US$ 393,5 milhões em bilheteria, além de receber péssimas avaliação dos críticos, apesar de bons comentários do público em geral por sua ação.

Felizmente, parece que o filme encontrou o sucesso tão desejado dentro dosstreamings.

Onde assistir Adão Negro?

Adão Negro está atualmente entre os filmes mais assistidos Prime Video. Ele também pode ser assistido na Max, onde está todas as produções do extinto DCEU.

O filme revela a história de Teth-Adam, também conhecido como Adão Negro, um antigo escravo no país fictício de Kahndaq, que recebeu poderes mágicos e se tornou um feiticeiro com superforça, velocidade, resistência, capacidade de voar e disparar raios.

Nascido no Egito Antigo e filho do faraó Ramsés II, Adão Negro é um grande antagonista de Shazam! nas HQs, mas também é retratado como alguém que busca redenção. O filme explora se ele é um herói que se tornou vilão ou um anti-herói em busca de seu próprio caminho.

Além disso, o filme apresenta a famosa equipe Sociedade da Justiça, formada por Senhor Destino, Gavião Negro, Ciclone, e Esmaga-Átomo.

O filme tem direção de Jaume Collet-Serra. O elenco também inclui Aldis Hodge, Pierce Brosnan, Noah Centineo, Sarah Shahi e Quintessa Swindell e Bodhi Sabongui.

Leia também: Série coreana deixa de lado o romantismo e aborda tema pesado e ameaçador na Netflix

Sergio ScarpaFormado em Administração e Psicologia, e também fez curso de desenho. Fã de games, desenhos animados, séries e filmes.
Veja mais ›
Fechar